Competências Transversais: todas as unidades curriculares devem ser programadas de forma a que sejam desenvolvidas as seguintes competências:
  • Capacidade para resolver problemas;
  • Trabalho em equipa;
  • Capacidade de Análise e de Síntese;
  • Capacidade de Organização e de Planeamento;
  • Capacidade de Gestão da Informação (aquisição, filtragem, análise);
  • Capacidade para tomar decisões;
  • Motivação para a Qualidade e melhoria contínua;
  • Conhecimento de Línguas Estrangeiras;
  • Capacidade de Comunicação Oral e Escrita;
  • Raciocínio Crítico;
  • Desenvolvimento de Relações interpessoais.

Competências Específicas:
  • Controlo e monitorização de estações de tratamento de águas;
  • Realização de trabalho de campo – amostragem (água e solo) e caracterização (ruído, emissões atmosféricas e resíduos);
  • Estudar e elaborar o inventário dos impactes da actividade da empresa sobre o ambiente (resíduos, poluição do ar da água e do solo, etc.);
  • Participar na definição e na implementação da política ambiental da empresa;
  • Colaboração na implementação e na manutenção de sistemas gestão de qualidade, ambiente e higiene e segurança no trabalho;
  • Criar procedimentos de forma a assegurar a identificação dos aspectos ambientais e a elaboração de mecanismos de monitorização e medição que permitam o controlo ambiental;
  • Organização e planeamento do trabalho de um laboratório;
  • Planeamento e execução de determinações analíticas de parâmetros de controlo de qualidade ambiental, de acordo com as normas nacionais e internacionais;
  • Promover a sensibilização para a temática do ambiente na empresa, através de mecanismos de formação e difusão de boas práticas.

Informações importantes


Trabalhos realizados pelos alunos em Ponte de Lima no ano lectivo 2010/11



Página que os alunos criaram no âmbito do CET Qualidade Ambiental:
http://qualidade-ambiental-cet.blogs.sapo.pt/